Segurança

Cuidados ao Andar de Bicicleta

Quais os cuidados que devemos ter ao andar de bicicleta? eles são vários, portanto, nesta publicação de hoje iremos falar quais são e como podemos mitigar. Você sabe quais são os Riscos da Bicicleta?

Administração de Risco ao Andar de Bicicleta

Todos nós que pedalamos sabemos as questões de segurança que a Bike trás, os riscos são comuns, contudo, convivemos com riscos no nosso dia a dia, isso é normal, temos que criar planos para mitigar eles.

Quando saímos para ir no mercado a pé, corremos o risco de ser atropelado, mitigamos isso andando na calçada e atravessando no sinal. Quando fazemos uma trilha, por exempo, corremos o risco de ser picado por uma aranha ou cobra, mitigamos isso sabendo primeiros socorros e tendo em mente o hospital mais próximo que cuide deste tipo de lesão.

No ciclismo acontece a mesma coisa sabemos quais são os riscos da Bicicleta e devemos ter alguns cuidados ao andar de nela. Mapeando os riscos e traçando formas de mitigar cada um deles, assim teremos um pedal cada vez mais seguro e prazeroso.

Riscos genéricos requerem medidas óbvias, como por exemplo o uso de capacete mitigando uma eventual queda da Bike. Contudo, riscos mais complexos e circunstanciais nos levam ao planejamento de um pedal criando um modelo a ser seguido. Este parâmetro não será seguido a risca, dependendo, muitas vezes, da experiência de cada ciclista.

Mais segurança e cuidados ao andar de Bicicleta

Planeje seu pedal

Saiba o caminho que você vai seguir, caso não conheça o roteiro, pesquise todos os detalhes do percurso, (quilometragem, altímetria, localidades próximas). Pesquise também sobre a segurança do local.

Cuidados ao Andar de Bicicleta
Cuidados ao Andar de Bicicleta

Saiba o que está fazendo

Saber técnicas, mecânica, e ter as habilidades necessárias para um pedal seguro são essenciais.

Todo cuidado é Pouco

Equipamentos podem salvar sua vida, invista em alguns necessários para o uso diário, alguns deles é o capacete, bem como luz traseira, dianteira e espelho retrovisor. Faça manutenções constantes em seu equipamento e na sua Bike.

Pedale em grupo

Evitar pedalar sozinho pode ser uma boa maneira de evitar acidentes, além disso, estar sozinho pode significar a falta de ajuda durante um problema.

Cuidados ao Andar de Bicicleta
Cuidados ao Andar de Bicicleta

Avise alguém sobre o seu roteiro

Lembra do filme 127 horas? Onde um escalador sofre um acidente e fica preso por 127 horas tendo que cortar o próprio braço com um canivete cego para conseguir escapar e sobreviver? Uma boa prática para quem anda de Bicicleta é avisar alguém sobre o roteiro que pretende fazer.

Avise alguém próximo de você, se acaso esteja em um pedal distante de casa, avise a um amigo, ao dono do hotel ou pousada, delegacia de polícia. Caso o seu roteiro seja de um cicloturismo vale informar o horário e marcar uma hora para contato avisando que chegou ao destino. Lembre-se de usar uma margem de horário bem grande, pois podem haver atrasos.

Redobre a atenção

Ter atenção redobrada pode evitar acidentes bobos, portanto, tenha atenção ao seu redor, analise potenciais riscos e maneiras de mitigar-los. Caso os riscos de andar de Bicicleta naquele local sejam grandes, não se arrisque.

Planeje um possível resgate

Ter um plano pode ser bastante útil em momentos de necessidade, monte um plano de resgate. Analise o tipo de pedal, a situação que vai se encontrar em caso de algum problema assim como o que poderá fazer para ser resgatado.

Cuidados ao Andar de Bicicleta
Cuidados ao Andar de Bicicleta

Evite confrontos

Cachorros, vacas, cobras, plantas, climas, relevos e principalmente outros seres humanos podem apresentar risco ao seu pedal. Mitigadando antecipadamente eles, e não entrando em confronto você correrá menos riscos durante o seu pedal.

Cuidados ao andar de bicicleta em climas extremos

Quais são os riscos da bicicleta em climas extremos? Andar no conforto de um dia de sol é fácil, mas temos que estar preparados para momentos de climas mais extremos.

Chuva e o Ciclismo

Em caso de chuva devemos analisar a quantidade de água que está caindo e o tipo de Bike que estamos usando. Portanto, quanto mais largo e mais cravado o pneu, melhor para aguentar a chuva. Caso esteja de speed fique atento, pois estes pneus costumam escorregar um pouco mais. Em caso de chuva forte, granizo, neblina intensa ou chuva de raios, procure abrigo e espere ela passar ou diminuir.

Frio e o Ciclismo

O feio é algo possível de mitigar, fique atento a previsão climática e veja a necessidade de levar agasalhos, Corta ventos são leves e fáceis de transportar. Caso necessário utilize o sistema de 3 camadas (segunda pele para manter a temperatura do corpo, fleecer para aquecer o corpo, corta-vento para proteger o corpo da chuva e do vento).

Vento e o Ciclismo

Analisar a direção do vento previamente é uma ótima forma de mitigar este problema, caso o vento seja muito forte (ex. Patagônia, onde os ventos podem atingir facilmente os 100km/h) imediatamente deite a Bike e fique o máximo possível agachado para evitar quedas e objetos voadores como pedras que são jogados facilmente pelo vento.

Quais são os Riscos da Bicicleta no Trânsito?

Um dos maiores problemas que nós ciclistas sofremos hoje é sem sombra de dúvidas o trânsito, a falta de respeito e de educação ainda assusta muitos ciclistas. Embora estejamos no código Nacional de transito como um veículo igual aos carros, motos e veículos mais pesados, tendo direitos e deveres, não somos vistos como tal. Muitas das vezes sendo ameaçado por motoristas imprudentes que se dizem o dono da rua.

Embora o transito caótico traga risco aos ciclistas, podemos mitigar alguns deles seguindo passos simples. Usar roupas chamativas para facilitar a visualização de motoras, seja visto em primeiro lugar.

Tente ao máximo ocupar a direita da pista, porém evite andar na sarjeta ou no fim da pista. Mantenha pelomenos uma distância de 40 cm á 1 metro do fim da via, assim, em caso de algum veículo te prensar, vc terá uma área boa de escape. Além disso, evite calçadas ou contramão, trate os outros como você gostaria de ser tratado, semáforos são para ser respeitado, use sinais para indicar sua intenção, pedalar a noite exige iluminação para ser visto.

Leia os trechos do código de transito para ciclistas.

Cuidados ao Andar de Bicicleta
Cuidados ao Andar de Bicicleta

Violência e a Bicicleta

Infelizmente, grandes centros urbanos e a globalização trás problemas cada vez mais grave de violência. É algo muito ligado à grandes cidades, quanto maior a cidade, mais marginalizada será o ambiente, entretanto, quanto mais afastado destes grandes centros menores os riscos de violência. É claro que ele sempre irá existir, mas podemos traçar metas para diminuir suas consequências:

Pedalar em grupo pode ser uma boa maneira de diminuir os riscos, estude o seu roteiro, busque informações sobre locais de risco, acontecimentos anteriores, horários, comunidades do entorno, portanto este processo pode ser um dos melhores para evitar violencia desnecessária.

Não reaja a um assalto a mão armada, entregue o que for solicitado, caso a situação possibilite fuga sem risco, faça isso, mas sempre evitando perigo desnecessário.

Analise a necessidade de levar um spray de gengibre, lembrando que somente o spray de pimenta tem seu uso controlado, portanto analise se vale levar um para casos de agressão no trânsito ou contra mulheres pedalando sozinhas.

Alerte as autoridades sobre o assalto ou agressão, em seguida, abra um boletim de ocorrência, por último acompanhe sua solicitação. Relate o ocorrido para outros ciclistas, nesse sentido a informação é uma ótima aliada. Caso for um roteiro conhecido, vale fazer amizade com pessoas do local onde você costuma pedalar, isso pode evitar eventuais problemas.

Crachá pessoal de Identificação

Grupos de pedal usam este tipo de identificação e é indispensável em caso de acidentes este crachá mostra o nível de cuidados ao andar de bicicleta que o ciclista possui, portanto, carregue com você e avise aos colegas da existência deste crachá. No momento que isso se tornar uma prática comum, saberemos da possível existência do crachá de identificação em caso de acidentes envolvendo ciclistas.

Dados para o crachá

  • Nome Todo
  • Número do RG e CPF
  • Endereço
  • Telefones para emergência
  • Nome do Contato
  • Dados do Plano de saúde
  • Tipo sanguíneo
  • Alergias
  • Outros tipos de necessidades.

Conclusão

Por fim vemos que os riscos não são poucos, como dito anteriormente, risco de andar de bicicleta sempre vão existir, cabe a nós ciclistas encontrar maneiras de identificar e contornar cada um desses riscos para assim termos um pedal mais tranquilo e seguro.

E não se esqueça de ter o mínimo de conhecimento em primeiros socorros, pois com ele podemos salvar vidas, seja a nossa ou a de algum colega.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s